• Quarta-Feira, 06 de Julho de 2022
  • 19:18h

Grupo aliado escolhe Cidinho para ser vice do governador Mauro Mendes

Grupo aliado escolhe Cidinho para ser vice do governador Mauro Mendes

O ex-senador Cidinho Santos (União) é o escolhido pelo grupo aliado ao governador Mauro Mendes para ser o vice do gestor em um possível projeto de reeleição. O nome do empresário ganhou força em comparação com o atual vice-governador, Otaviano Pivetta (Republicanos), que tem evitado falar de política publicamente. Procurado pela reportagem, Pivetta confirmou que apoia o nome do ex-senador para o cargo.  

 

Cidinho foi um dos principais articuladores para que o governador se reunisse com o presidente nacional do Partido Liberal (PL), Valdemar da Costa Neto, em Brasília. Aliados apontam que a conversa com o líder partidário foi determinante para que Mendes ganhasse o apoio do presidente Jair Bolsonaro (PL) na possível candidatura à reeleição.  

 

Após estreitar os laços entre o governador e o presidente, Cidinho foi escolhido para ser o coordenador da campanha de Mendes, que até aquele momento era dada como certa. Entretanto, devido à instabilidade da saúde da primeira-dama, Virginia Mendes, o chefe do Paiaguás decidiu adiar o anúncio sobre a candidatura.  

 

“Esta decisão não está no script. Nós estamos aqui hoje para fazer a filiação de alguns prefeitos e prefeitos e companheiros ao União Brasil e, acima de tudo, apresentar esse espaço para o partido se organizar. É por meio da organização que vamos contribuir para o debate democrático. Mas, até o dia 5 de agosto essa decisão será tomada”, garantiu o governador durante a inauguração da sede estadual do União Brasil.  

 

Caso o nome de Cidinho seja confirmado, Pivetta perderia o posto. Entretanto, o vice-governador demonstrou não estar preocupado e que, inclusive, não seria contrário ao nome do empresário. “Tem todo o meu apoio”, reforçou.   Cidinho também foi procurado, mas negou qualquer tratativa para ser vice do governador. O empresário afirma que não será candidato e que ficará na coordenadoria-geral da campanha do chefe do Paiaguás.  

 

O empresário possui uma aproximação com Mendes desde 2018, quando também foi coordenador de campanha. Na ocasião, Cidinho era suplente do então senador Blairo Maggi (PP).

Fonte: gazetadigital

Autor: Luis Vinicius Foto Mayke Toscano/Secom-MT